1 de novembro de 2013

C. Santos, Lda.

Apenas uma breve referência histórica, à empresa “C. Santos, Lda.”, uma das mais conhecidas e importantes concessionárias de automóveis em Portugal no século XX, principalmente pela representação da marca alemã de automóveis e camiões “Mercedes-Benz”, fundada em 28 de Junho de 1926.

A firma “C. Santos, Limitada” foi fundada em 20 de Dezembro de 1912 por Carlos Santos em Lisboa, com instalações na Rua Nova do Almada, e na Praça da Liberdade na cidade do Porto. As suas representações eram a americana “Studebaker” e a “Erskine” ,marca esta produzida pela “Studebaker”.

Instalações da “C.Santos, Lda.” na Rua do Crucifixo em Lisboa

 

Guia de 1937


Gentilmente cedida por Carlos Caria

1927

 

                                             1927                                                                                   1928

 

Stand da C. Santos, Lda no “I Salão Automóvel de Lisboa” no Coliseu dos Recreios em 1925

A sua representada “Studebaker” no mesmo Salão

Oficinas em Sete-Rios em décadas diferentes

 

Em 1933, já nas suas novas instalações em Lisboa, na Rua do Crucifixo, inicia a comercialização de automóveis da sua nova representada britânica “Standard” pertença da “Standard Motor Company”. Anos mais tarde, junta a esta a representação da marca, também britânica, “Triumph”.

                                                     1933                                                                                 1950

   

          Publicidade no “Teatro da Trindade” em 1938                                 «Studebaker» Dictator Cruising Sedan

 

Em 1936 a “C. Santos, Lda.” , ficaria com a representação da marca alemã “Mercedes-Benz” para Portugal. Esta representação começou por incluir apenas os automóveis passando posteriormente a representar todos os veículos produzidos por esta empresa alemã. O relacionamento entre estas duas empresas foi sempre estreito, mesmo durante a II Guerra Mundial (1939-1495), altura em que surgiram problemas graves devido às circunstancias. Mas, logo após o fim da guerra em 1945, a venda destes veículos aumentou significativamente não só a particulares, mas também para a frota de automóveis de aluguer, táxis, veículos de carga, serviços públicos, sociais e exército.

Exposição da “C. Santos, Lda.” no “Pavilhão de Exposições e Festas” no Parque Eduardo VII em Lisboa

                 «Studebaker» Dictator Cruising Sedan                                 «Studebaker» President Cruisng Sedan

 

                     Dois «Studebaker» anteriores                                                        «Standard» Flying 12

 

Acessórios para automóveis

Em 11 de Janeiro de 1946, seria constituída a “Sociedade Comercial C. Santos, Lda.”. Inicia a sua actividade tendo como sócios, entre outros, a “C. Santos Limitada”, detentora da representação da marca “Mercedes-Benz”, com sede em Lisboa e então detida, maioritariamente, pela família Mendes de Almeida, tendo o Senhor Conde de Caria outorgado a escritura de constituição da sociedade, em sua representação.

«Nova remessa» em 1950

 

A sede social da empresa situou-se no Porto na Rua de Santa Catarina, com o capital social de 600.000$00 (Seiscentos mil escudos), local onde permaneceu durante 42 anos, mais concretamente até 1988. As oficinas funcionariam na Rua de Santos Pousada, também no Porto até 1958.

Esta sociedade chegou a fazer parte do grupo de empresas que, mais tarde, passou a ser detido pela holding ”Eminco” que, em determinado momento, abrangia áreas tão diversas como importação e venda a retalho de produtos das marcas “Mercedes-Benz”, “British-Leyland”, “Castrol” e “Massey-Fergusson”, aluguer de viaturas  através da “Avis Rent-A-Car”, etc. Porém, em 1988 é adquirida a totalidade do capital social à “Eminco”.

1956

Festa dos 50 anos da empresa na “FIL - Feira das Indústrias de Lisboa

Stand da “C. Santos, Lda,” na Avenida da Liberdade, em Lisboa

 

 

Oficinas na Quinta das Laranjeiras, em Lisboa

 

 

Stand da “C. Santos, Lda.”, na Rua de Santa Catarina na cidade do Porto

Em Abril de 1989, “Sociedade Comercial C. Santos”, foi adquirida pelo então denominado “Grupo Daimler-Benz”,  que marcou o início das actividades da recém criada “Mercedes-Benz Portugal”, com sede na Abrunheira em Mem Martins.

A “Sociedade Comercial C. Santos” é, actualmente, um concessionário e oficina autorizada para comercialização de viaturas, peças e prestação de serviços após venda das marcas “Mercedes-Benz”, “Smart” e “AMG” composta por: uma unidade na Maia, pelo salão de exposição da Avenida da Boavista (Porto) e o de Felgueiras.

fotos in: Biblioteca de Arte-Fundação Calouste Gulbenkian, Delcampe.net, Hemeroteca Digital, Soc. Com. C. Santos

2 comentários:

josé basilio moreira disse...

O aparecimento da Mercedes Benz Portugal - nasce da C.Santos Lda sede em Lisboa e representante dos produtos mercedes benz - a sociedade comercial c.santos porto deve ser entendida como filiada da c.santos lda .

José Leite disse...

Caro José Moreira

Grato pelo seu esclarecimento

Os meus cumprimentos

José Leite